O Primeiro Homem

CAMUS, ALBERT
RECORD

99,90

Estoque: 25

Romance inacabado do vencedor do Prêmio Nobel de Literatura Albert Camus, O primeiro homem é um retrato da infância do autor e um resgate da história de sua terra natal, a Argélia. “Em suma, vou falar daqueles que eu amava”, escreve Albert Camus numa anotação para O primeiro homem. O projeto deste romance, um manuscrito encontrado nos destroços do acidente de carro em que morreu, em Villeblevin, França, no dia 4 de janeiro de 1960, era ambicioso. Ele disse certa vez que os escritores “têm a esperança de descobrir os segredos de uma arte universal que, escorada na humildade e na perícia, afinal ressuscitaria os personagens em sua carne e em sua duração”. Embora tenha levado mais de trinta anos até ser publicado, foi um estrondoso sucesso ao chegar às livrarias francesas, em 1994. Ele havia lançado as bases do que seria o relato da infância do seu “primeiro homem”. O “primeiro homem” é Jacques Cormery, que suporta sua existência miserável com o amor pela mãe silenciosa e analfabeta e pelo professor que transforma sua visão de mundo. Essa redação inicial tem um caráter extremamente autobiográfico que sem dúvida teria desaparecido na versão final do romance. Mas é justamente esse aspecto autobiográfico que é tão precioso hoje. O primeiro homem nos fornece uma profunda compreensão da vida de Camus e dos poderosos temas subjacentes à sua obra. Lendo estas páginas, vemos surgir as raízes do que constituiria sua personalidade, sua sensibilidade, a gênese do seu pensamento, os motivos do seu engajamento. Porque a vida inteira ele quis falar em nome daqueles aos quais a voz era recusada.
Ao navegar no nosso site você declara estar de acordo com nossa Política de Privacidade